FOTOS DOS EVENTOS

OUTROS EVENTOS

Noticias

30/12/2019

Paciente Constrói Carros de Boi Para Doar ao HRC

Habilidade manual, criatividade, delicadeza e bom gosto são características válidas para descrever o trabalho do engenheiro agrônomo Paulo Costa Junqueira. Há mais de cinco anos, o passense busca alternativas para contribuir com o Hospital Regional do Câncer de Passos (HRC) e, entre os seus projetos mais especiais, está a construção de lindos carros de bois decorativos.


De acordo com ele, o fato de ser apaixonado em animais deve-se à sua criação, que foi em uma fazenda. “Sempre procurei um trabalho desse para comprar, mas quando o produto era bem feito, o valor era alto e, quando o valor era acessível, o produto era mal acabado. Então, resolvi experimentar fazer alguns para mim e deu certo”, contou.


Ao constatar a beleza do seu trabalho, Junqueira passou a presentear outras pessoas com exemplares e enxergou nesse item uma alternativa para ajudar o HRC. “Sei que a instituição vive de doações e como não preciso do retorno desse produto para sobreviver porque Deus me deu um trabalho, faço com prazer para doar. Me sinto bem em poder ajudar assim, é mesmo uma satisfação pessoal, principalmente agora que precisei também dos serviços oferecidos aqui”, acrescentou ao revelar seu diagnóstico.


Quando questionado sobre o prazo necessário para confeccionar cada item do carro de boi doado, o profissional revelou que para fabricar cada animal, aproximadamente sete dias foram necessários, sendo assim, para finalizar esse exemplar foi contabilizado quase dois meses.


Encantado com todos os detalhes do produto, o entrevistado afirmou que ainda não encontrou trabalho semelhante ao seu. “Não tenho forma alguma, é mesmo tudo manual e, por isso, preciso de calma para fazer tão caprichado assim. Procuro mesmo a perfeição nesses carros, então, se erro uma peça, refaço – nesse instante, lembro de agradecer minha esposa por todo o apoio porque tem muita madeira e poeira no nosso apartamento sempre que produzo”, falou.


Fiel às promessas de Deus, o engenheiro inseriu um Salmo da Bíblia no trabalho doado e finalizou dizendo que embora não tenha tudo o que quer, tem sim tudo o que precisa. “Sei que a nossa força vem do Senhor, até mesmo a força do boi, então, enquanto Deus me der habilidade nas mãos e uma visão boa, continuarei fazendo para ajudar”, garantiu.